terça-feira, fevereiro 13, 2007

participação eleitoral

João Miranda, após um mau período, regressa em boa forma:

"Numa Democracia, a baixa participação eleitoral é um sinal de bom funcionamento das instituições. Logo à partida garante que nada de verdadeiramente importante está em causa nas eleições, que os cidadãos conseguem viver a sua vida sem precisarem da política para resolver os seus problemas.

Mais preocupantes são as democracias em que se tenta "corrigir" a baixa participação com mecanismos, como o voto obrigatório ou o voto electrónico à distância, que levam às urnas eleitores que se interessam tão pouco pela coisa pública que só votam porque é cómodo ou porque caso contrário seriam multados.

Estes eleitores são dispensáveis porque, não se interessando o suficiente por política, tenderão a aderir às facções mais superficiais e populistas."

5 comentários:

JRP disse...

Boa tarde Ricardo,

Fiz-te um desafio neste post (http://comboio-azul.blogspot.com/2007/02/grandes-vinhetas-11.html), na sequência deste (http://comboio-azul.blogspot.com/2007/02/grandes-vinhetas-9-exerccio-para.html) outro.
Abraço,

Jorge Ricardo Pinto
(http://comboio-azul.blogspot.com)

Ricardo disse...

Caro Jorge,

adaptando o dito do Pedro Olavo Simões:

vou responder ao desafio "mas a coisa implicará algum tempo e disponibilidade mental, dado que o assunto FCP é demasiado importante..."

:-)

Susaninha disse...

Ter-se-à o senhor inspirado no contrato social chinês, segundo o qual o Estado se preocupa com a política e o povo com os seus afazeres?
O melhor talvez fosse acabar de vez com as eleições e, em consequência com os partidos políticos. Afinal o dinheiro dos contribuintes deve ser usado para coisas mais úteis.

Ricardo disse...

susaninha, não percebi o seu comentário...

o post defende que as eleições estão muito bem, mas que não é nenhum drama a elevada abstenção...

e logo eu que queria é que o Estado não se metesse a substituir os "afazeres" do povo...

mas apareça, e comente...

Ricardo disse...

Caro Jorge,

não me esqueci do desafio, mas nem para postar tenho tido tempo...

:-)